Informação profissional para a indústria alimentar portuguesa

Indústria das embalagens em Espanha vale 40,4 mil milhões de euros

30/04/2024

O volume de negócios do setor está a crescer 22% com a prioridade assente na sustentabilidade e na digitalização. A indústria das embalagens em Espanha é equivalente a 3% do PIB, segundo um relatório da Hispack.

Imagen

A indústria espanhola da embalagem está a demonstrar grande força e dinamismo, tendo crescido 22%, em relação ao anterior estudo de 2022, para 40,4 mil milhões de euros. Também o número de empresas está a aumentar tendo aumentado 8,3% para 3447. Estes dados resultam de um estudo apresentado pelo salão Hispack da Fira de Barcelona, que terá lugar de 7 a 10 de maio no centro de exposições Gran Via.

Intitulado 'El packaging en España, la potencia de una industria que apuesta por la sostenibilidad', o relatório Hispack 2024 foi elaborado pela consultora marketAAD. O documento actualiza a edição de 2022 e mostra “a força desta indústria num contexto geopolítico e económico complexo marcado por restrições a certas matérias-primas, preços da energia, inflação elevada e as últimas alterações regulamentares para impulsionar a contribuição da embalagem para o desenvolvimento sustentável”.

90% do tecido empresarial do sector é composto por PME, empregando no total 118.500 pessoas, cerca de 5,12% do emprego na indústria.

O maior número de empresas corresponde aos fabricantes de embalagens e materiais plásticos (900), seguidos pelo papel e cartão (710), máquinas de embalagem (615), embalagens de madeira (702) e fabricantes de equipamentos de etiquetagem, codificação e marcação (301). Completam a lista os fabricantes de embalagens metálicas (165); de vidro (40); de rolhas de cortiça (12); e de outros materiais (2).

Cerca de 69% das empresas espanholas de embalagem têm um volume de negócios inferior a cinco milhões de euros, 21% entre cinco e 25 milhões de euros e apenas 10% faturam mais.

Mais embalagens, mais sustentáveis

O relatório Hispack 2024 também analisa o desenvolvimento sustentável da indústria de embalagens. Nesse sentido, aponta que, embora o desafio da sustentabilidade não seja novo, é mais prioritário para as empresas devido às últimas mudanças legislativas e à maior conscientização dos consumidores que exigem embalagens mais ecológicas.

Entre as principais razões para a ascensão do setor incluído neste estudo estão a necessária transformação para a sustentabilidade das embalagens, a automatização e digitalização da indústria, a recuperação económica pós-pandémica dos diferentes sectores produtivos, que aumentou a procura de embalagens e embalagens, e o crescimento imparável do comércio eletrónico que está associado a novas necessidades de embalagem e logística.

As empresas continuam a inovar tanto em termos de materiais como de soluções de circularidade e, a este respeito, as principais tendências são a utilização de monomateriais, mais plástico reciclado e matérias-primas biodegradáveis, bem como a promoção da reciclabilidade e reutilização de embalagens e a aplicação de fórmulas de análise do ciclo de vida para cada produto para adaptar a solução com o menor impacto ambiental possível.

As empresas do setor da maquinaria de embalagem investem 3,7% do seu volume de negócios em I&D, principalmente para promover a digitalização, a fim de aumentar a sustentabilidade com equipamentos automatizados e energeticamente eficientes, capazes de trabalhar com novos materiais. O setor está a incorporar e a oferecer tecnologias da Indústria 4.0 para ligar a embalagem e os seus processos associados a toda a cadeia de abastecimento, informação em tempo real sobre os processos de fabrico e logística, rastreabilidade do produto e soluções de embalagem inteligentes e conectadas.

A Hispack 2024 começa a 7 de maio e prolonga-se até dia 10 no centro de exposições Gran Via da Fira de Barcelona. O evento líder da indústria de embalagens em Espanha e um dos primeiros da Europa na sua especialidade também crescerá 18% nesta edição e reunirá 800 expositores de 28 países e 1.250 marcas representadas, que mostrarão as últimas soluções e inovações da indústria de embalagens mais digital e sustentável. O certame espera atrair mais de 27.000 visitantes, 10% dos quais serão internacionais.

32% de expositores internacionais provenientes de países como a Turquia, Itália, China, Alemanha, França, Holanda, Portugal e Reino Unido.

REVISTAS

Siga-nos

Media Partners

NEWSLETTERS

  • Newsletter iAlimentar

    10/07/2024

  • Newsletter iAlimentar

    03/07/2024

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

Responsable: Interempresas Media, S.L.U. Finalidades: Assinatura da(s) nossa(s) newsletter(s). Gerenciamento de contas de usuários. Envio de e-mails relacionados a ele ou relacionados a interesses semelhantes ou associados.Conservação: durante o relacionamento com você, ou enquanto for necessário para realizar os propósitos especificados. Atribuição: Os dados podem ser transferidos para outras empresas do grupo por motivos de gestão interna. Derechos: Acceso, rectificación, oposición, supresión, portabilidad, limitación del tratatamiento y decisiones automatizadas: entre em contato com nosso DPO. Si considera que el tratamiento no se ajusta a la normativa vigente, puede presentar reclamación ante la AEPD. Mais informação: Política de Proteção de Dados

ialimentar.pt

iAlimentar - Informação profissional para a indústria alimentar portuguesa

Estatuto Editorial