Controladores de nivel
Informação profissional para a indústria alimentar portuguesa

A Panattoni está a desenvolver o maior projeto 'Brownfield' na região de Lisboa

Panattoni anuncia desenvolvimento do seu segundo parque logístico em Portugal

03/02/2024

O Panattoni Park Lisbon-City resulta da aquisição de um terreno com 137.160 metros quadrados localizado em Loures, da multinacional Saint-Gobain

A Panattoni, promotor imobiliário logístico-industrial na Europa, acaba de anunciar o seu primeiro projeto de desenvolvimento em Lisboa. O Panattoni Park Lisbon-City será o segundo parque logístico da empresa em Portugal, e a primeira fase deverá estar pronta até o terceiro trimestre de 2025.

O projeto é de reabilitação e promoção de quatro edifícios logísticos em Lisboa com uma área bruta locável (ABL) de 85.000 metros quadrados...
O projeto é de reabilitação e promoção de quatro edifícios logísticos em Lisboa com uma área bruta locável (ABL) de 85.000 metros quadrados.

A empresa entrou em Portugal no ano de 2022, após a aquisição de 150.000 metros quadrados de terreno na localidade de Campo em Valongo (distrito do Porto), cuja primeira fase de 27.000 metros quadrados deverá ser concluída no segundo semestre de 2024.

O Panattoni Park Lisbon-City, que se torna no segundo parque logístico da empresa em Portugal, é resultado da aquisição de um terreno com 137.160 metros quadrados localizado em Loures (Área Metropolitana de Lisboa), da multinacional Saint-Gobain, e sob o apoio legal da Abreu Advogados. Para além do terreno o investimento inclui a infraestrutura existente, onde a antiga fábrica de vidro Covina prosperou por décadas antes de ser adquirida pela Saint-Gobain, detalha a empresa, que é “um dos maiores desenvolvedores industriais do mundo”.

Em comunicado, sublinha que esta operação “destaca a visão estratégica da Panattoni, reafirmando o seu compromisso com a expansão em mercados estratégicos e incorporando também o renascimento e revitalização da região”.

“Estamos muito satisfeitos em anunciar a nossa expansão no mercado português. Portugal oferece excelentes condições de investimento no nosso setor e para crescer lado a lado com as empresas locais e internacionais que operam em Portugal. O Panattoni Park Lisbon City é a demonstração de um claro compromisso em continuar a crescer nos diferentes mercados da Península Ibérica, com um forte foco em Portugal nos últimos anos, ” afirma Gustavo Cardozo, diretor-geral da Panattoni para Espanha e Portugal.

O novo parque será composto por edifícios logísticos “modernos, eficientes e sustentáveis, a preços de arrendamento muito competitivos, fornecendo soluções abrangentes para o setor industrial ou logístico na parte ocidental da Península Ibérica”.

Com uma área total de 85.000 metros quadrados (ABL), o parque terá capacidade para acolher quatro imóveis: três armazéns para vários inquilinos, suficientemente flexíveis para acomodar vários inquilinos em unidades mais pequenas a partir de 5.400 metros quadrados (com 10 cais de carga e descarga cada); e uma instalação de ´cross-dock´ para um único inquilino.

O parque logístico terá uma área de escritórios total de 5.000 metros quadrados e 122 cais de carga e descarga, distribuídos pelos quatro edifícios, enquanto os armazéns terão um pé direito mínimo de 10,5 metros, nível de risco de incêndio 2, sprinklers e uma sobrecarga de laje de 6T/m2. Também terá uma área total de estacionamento para mais de 300 veículos, carregadores para veículos elétricos e parque para bicicletas em cada um dos quatro armazéns.

Em conformidade com a estratégia de sustentabilidade 'Go Earthwise with Panattoni', o projeto terá a certificação de construção sustentável BREEAM 'Excellent', que garante o cumprimento dos mais elevados padrões de sustentabilidade. Será também instalada uma central fotovoltaica, bem como um sistema de iluminação LED eficiente em termos energéticos e zonas verdes. Em comunicado, a empresa avança “que os edifícios alcançarão uma redução de 30% na pegada de carbono”.

Este projeto ´bronwfield' traz de volta à vida ativos e espaços que estiveram inoperantes por anos, e a sua reutilização contribui para a conservação ambiental. “Recuperar terras e reabilitar espaços não utilizados são facetas da gestão responsável do solo para os estados-membros da UE e fazem parte da sua política de desenvolvimento sustentável. Restauramos espaços devolvendo-os ao seu propósito original, ao mesmo tempo que realizamos uma série de atividades para conservar o meio ambiente e os ecossistemas locais” afirma Piotr Kociołek, diretor ambiental da Panattoni.

Em termos de localização, o parque logístico fica a 11 km do Aeroporto de Lisboa, com acesso direto à Autoestrada do Norte, oferecendo uma posição estratégica para todos os tipos de empresas que necessitam de proximidade com a cidade e entrega de última milha, distribuição urbana, logística reversa e armazenagem na cidade.

O desenvolvimento será dividido em duas fases, envolvendo nova construção e reabilitação de instalações existentes. A primeira fase deverá estar pronta até o terceiro trimestre de 2025 e a segunda fase será construída imediatamente de seguida, adianta a Panattoni.

Especificações Técnicas Detalhadas:

- Armazém nº1: 29.142 metros quadrados ABL (até 3 inquilinos)

- Armazém nº2: 18.119 metros quadrados ABL (até 2 inquilinos)

- Armazém nº3: 27.390 metros quadrados ABL (até 4 inquilinos)

- Cross-dock: 8.859 metros quadrados ABL (single tenant).

REVISTAS

Siga-nosEasy fairs Iberia - Porto

Media Partners

NEWSLETTERS

  • Newsletter iAlimentar

    21/02/2024

  • Newsletter iAlimentar

    14/02/2024

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

Responsable: Interempresas Media, S.L.U. Finalidades: Assinatura da(s) nossa(s) newsletter(s). Gerenciamento de contas de usuários. Envio de e-mails relacionados a ele ou relacionados a interesses semelhantes ou associados.Conservação: durante o relacionamento com você, ou enquanto for necessário para realizar os propósitos especificados. Atribuição: Os dados podem ser transferidos para outras empresas do grupo por motivos de gestão interna. Derechos: Acceso, rectificación, oposición, supresión, portabilidad, limitación del tratatamiento y decisiones automatizadas: entre em contato com nosso DPO. Si considera que el tratamiento no se ajusta a la normativa vigente, puede presentar reclamación ante la AEPD. Mais informação: Política de Proteção de Dados

ialimentar.pt

iAlimentar - Informação profissional para a indústria alimentar portuguesa

Estatuto Editorial